ANALISE DISCURSIVA SOBRE A BASE NACIONAL COMUM CURRICULAR

Daniel José Rocha Fonseca, Maria de Lourdes Faria dos Santos Paniago

Resumo


O trabalho tem como objetivo específico cotejar diversos ditos e não ditos sobre a Base Nacional Comum Curricular. A pesquisa coletou dados por meio de documentos oficiais, textos e materiais que já foram publicados na literatura, utilizando como abordagem teórico-metodológica particularmente construtos teóricos propostos por Michel Foucault. Revisando parte da Constituição de 1988 e do Plano Nacional de Educação, averígua-se que a BNCC tem afirmado um caminho de regularidade argumentativa. Por outro ângulo, percebe-se também que a BNCC é cerceada por falas que lutam para desmantelar a liberdade produtiva dos seus sentidos. Analisando este circuito semiótico, infere-se que a BNCC pode estar encerrando seu estilo de pensamento num enraizamento de verdades que impediram a representação de outros interesses e estratégias do saber. Do ponto de vista do resultado, a pesquisa tem demonstrado que a BNCC está apoiada numa regulação que criará novas formas de sociabilidade educacional brasileira

Palavras-chave


Discurso. Saber. Currículo Escolar

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.