A FORMAÇÃO INICIAL DO PROFESSOR DE CIÊNCIAS: CONTRIBUIÇÕES DO PIBID

Josiane Lopes Medeiros, Luciene Lima de Assis Pires

Resumo


Este artigo analisa a formação inicial do professor de Ciências, os antigos desafios e as novas possibilidades formativas, e as contribuições do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (Pibid) para esta formação. Objetiva-se compreender os desafios e as possibilidades na formação desse professor, as contribuições do Pibid e as percepções dos atores envolvidos. Para tanto, realizou-se pesquisas em documentos oficiais sobre a formação de professores, em referências bibliográficas, e a aplicação de questionários semiestruturados a 26 bolsistas do Pibid e 13 bolsistas egressos de um Instituto Federal. As pesquisas demonstraram que a formação de professores de Ciências no Brasil tem novas perspectivas e possibilidades, no entanto, perduram antigos desafios em seu processo de constituição e formação. A formação inicial dos professores de Ciências necessita de uma adequação às novas necessidades formativas e, o Pibid é visto como possibilidade de contribuição para essa formação. Os entrevistados destacaram a importância do Pibid para a formação docente, para a relação entre teoria e prática e para a relação entre a educação superior e a educação básica. 


Palavras-chave


Formação Inicial. Professor de Ciências. Pibid

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.