UMA ABORDAGEM DA RELAÇÃO SOCIEDADE/NATUREZA EM DUAS VERTENTES DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL

Eliakim Oliveira Küster, Jorge Lima Loiola, Kathynne Carvalho Freitas Ferri, Stephany Siqueira Barbosa Nascimento

Resumo


A educação ambiental (EA) possui duas vertentes uma conservadora e outra de cunho crítico e transformador. A conservadora se alicerça em uma visão fragmentada da realidade e a crítica e transformadora se configura a partir da transformação social baseada no diálogo no exercício da cidadania e na superação das formas de dominação capitalista. O texto apresenta uma discussão teórica realizada por meio de pesquisa bibliográfica em que foram investigadas as concepções que sustentam as duas vertentes de educação ambiental. Contudo, observou-se que a perspectiva de educação ambiental conservadora, por si só, não oferece subsídios suficientes para promover mudanças no quadro de crise ambiental e o restabelecimento do equilíbrio entre sociedade/natureza. Entretanto, é necessário que haja ações firmadas em uma perspectiva participativa, envolvendo educadores e educandos, na promoção de uma educação engajada com a transformação da sociedade para um mundo mais equilibrado, social e ambientalmente.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.