LICENCIATURA EM FÍSICA DO IFG – CÂMPUS JATAÍ: ANALISANDO O PERFIL DO EVADIDO E A ATUAÇÃO DO EGRESSO

Caroline Prado Brignoni, Luciene Lima de Assis Pires

Resumo


A formação de professores no Brasil é permeada por problemas que vão desde o início da graduação à atuação profissional. Buscando analisar as causas da evasão e a atuação do egresso do curso de Licenciatura em Física do IFG-Câmpus Jataí realizou-se uma pesquisa quali-quantitativa.  Coletou-se os dados por meio da aplicação de dois questionários semiestruturados que foram aplicados a vinte por cento dos evadidos do curso e a 25 % dos egressos e posteriormente analisou-se os dados. Não foi possível chegar às causas da evasão com a aplicação do questionário aos evadidos, pois apenas um percentual baixo de ex-alunos respondeu ao questionário inviabilizando assim as análises dos dados. Os dados coletados desse questionário são mostrados nessa pesquisa, mas não com caráter generalizado, quanto ao perfil do egresso foi possível determinar como está sua atuação e verificar se realmente os alunos estão atuando como docentes. Na análise dos dados fundamentou-se nos estudos realizados por Duarte e Benevides (2010), Salla e Ratier (2010), Pereira e Lima (s/d), Tigrinho (2008), Prado e Hamburger (2004), dentre outros.


Palavras-chave


Licenciatura em Física, egresso, evasão

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.