A UTILIZAÇÃO DE JOGOS PARA UMA APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA EM MATEMÁTICA

Solene Neves dos Santos Silva, Marta Regina Ferreira, Adriana Batista Silva, Nilda Maria Carvalho

Resumo


Este artigo é o resultado de uma revisão bibliográfica relativo ao Ensino de Matemática, que analisa jogos e brincadeiras, fazendo uma abordagem geral sobre a importância destas atividades no desenvolvimento psico-social da criança. Neste sentido, o uso de jogos é tratado, como um recurso didático para a atualidade.  O jogo é uma atividade voluntária, com limites fixados de tempo e lugar. Enquanto o brinquedo é qualquer objeto em que há ausência de um sistema de regras que organizam sua utilização. Sendo a brincadeira pura do homem. Portanto, os jogos e as brincadeiras proporcionam aos participantes momentos de prazer, porém nas brincadeiras isso ocorre livremente enquanto nos jogos são seguidas regras preestabelecidas. São abordados jogos simbólicos, cooperativos, de construção, de salão, intelectuais, entre outros, que podem ser usados para introduzir e amadurecer conceitos e preparar o aluno para aprofundar os itens já trabalhados, devendo ser utilizados como facilitadores da aprendizagem de alguns conteúdos matemáticos e, em geral, na resolução de problemas.


Palavras-chave


jogos/brincadeiras; Matemática; interdisciplinaridade

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.