UM ESTUDO EXPLORATÓRIO SOBRE AS CONCEPÇÕES DE UM GRUPO DE ALUNOS DO IFG-CAMPUS JATAÍ SOBRE FENÔMENOS ASTRONÔMICOS

Marta João Francisco Silva Souza, Cassiano Bueno Silva

Resumo


Diversos autores, como Canalle (2003) e Langhi (2004),  apontam que é muito comum observar, em estudantes e professores, concepções erradas acerca de fenômenos astronômicos cotidianos, como as fases da lua, estações do ano e movimento aparente do sol. Neste trabalho nosso principal objetivo é identificar quais as concepções que os alunos participantes de um grupo de estudos em Astronomia do IFG - Campus Jataí possuem em relação a fenômenos astronômicos básicos, para a partir de então, organizar e propor estratégias metodológicas que possibilitem a sua substituição por concepções científicas, de forma que a aprendizagem se mostre realmente significativa. Os resultados mostraram que algumas concepções alternativas apresentadas pelos alunos são as mesmas apresentadas por professores e estudantes de todo o Brasil, como mostram os trabalhos de Canalle (2003), Langhi (2004) e Leite e Housome (2007). Entretanto, verificamos que ações do professor no sentido de inserir tópicos de Astronomia nas aulas de Física podem contribuir para a substituição, nos alunos, de suas concepções espontâneas por conhecimento científico.

Palavras-chave


concepções espontâneas, ensino de Astronomia, fenômenos astronômicos

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.