INTERFACES ENTRE OS CURSOS DE LICENCIATURA E A INCLUSÃO DE UMA UNIVERSIDADE DO SUDOESTE GOIANO

Calixto Júnior Souza

Resumo


Este trabalho tem como objetivo analisar a articulação entre o processo de inclusão e a estruturação dos cursos de licenciatura de uma universidade do sudoeste goiano de modo a compreender como esta instituição tem pautado a sua prática pedagógica a fim de fortalecer o infindável caminho para a inclusão, tendo em vista a inclusão das Pessoas com Necessidades Educacionais Especiais e a efetivação de culturas de inclusão no âmago do trabalho pedagógico (BUENO,1999; IMBERNÓN, 2000; MANTOAN, 2003; CARMO, 2002). Para tanto, é realizada uma análise dos Projetos Pedagógicos de Curso das nove licenciaturas da referida universidade, tendo como norte as categorias: matriz curricular dos cursos, relação teoria-prática, exploração do estágio supervisionado, com vistas a reconfigurar estes projetos com um caráter inovador (VEIGA, 2004) com transparência e legitimidade com o processo de inclusão. Como base nos resultados, constata-se que esta instituição tem proporcionado um processo de inclusão infértil e aligeirado com poucas reflexões e instigamentos para a concretização de práticas inclusivas. Para tanto, este estudo utilizou como estrutura metodológica as pesquisas bibliográfica e documental (GIL, 2002).

Palavras-chave


Inclusão, Matriz Curricular, Projeto Político-Pedagógico.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.